Fev11

Série | O que esperar de 2021? - Episódio 2 | O que esperar da agenda de reformas em 2021?

Tema e Sinopse

A Câmara Brasil-Alemanha de São Paulo te convida a participar da série “O que esperar de 2021?”! 

Composta por três eventos, traremos temas de extrema importância para que todos possam se preparar para este ano. 
Neste primeiro episódio, teremos como tema: O que podemos esperar da agenda de reformas em 2021? 

Programação: 

•    Abertura 
•    Palestra – O que podemos esperar da agenda de reformas em 2021?
•    Perguntas e Respostas 
•    Encerramento

Participe também do primeiro episódios! 

10/02 - Episódio 1 | Quais são as perspectivas econômicas para a indústria?

Palestrante

Felipe Scudeler Salto, Diretor-Executivo da Instituição Fiscal Independente (IFI)

Economista pela FGV/EESP e Mestre em Administração Pública e Governo pela FGV/EAESP. Foi consultor econômico, com foco em macroeconomia, contas públicas e contas externas, na Tendências Consultoria, do ex-Ministro Mailson da Nóbrega (2008-2014). Entre 2015 e 2016, trabalhou na assessoria do Senador José Serra, atuando com assuntos econômicos e fiscais. Ministrou aulas nos cursos de pós-graduação lato sensu da FGV/EESP, na área de macroeconomia e macroeconomia brasileira. Em 2016, organizou o livro “Finanças públicas: da contabilidade criativa ao resgate da credibilidade”, pela Editora Record, com Mansueto Almeida. Em novembro de 2016, foi indicado, sabatinado e aprovado em comissão e no plenário do Senado Federal para exercer mandato de seis anos como 1º Diretor-Executivo da recém-criada IFI – Instituição Fiscal Independente. Em novembro de 2017, recebeu o Prêmio Jabuti, ao obter a primeira colocação na categoria de Economia, com o livro supracitado. Em 2020, publicou o livro "Contas públicas no Brasil", pela Editora Saraiva, em parceria com Josué Pellegrini. Atualmente, ministra curso de Finanças Públicas no Mestrado Profissional em Economia do IDP. Escreve na página A2 do jornal O Estado de S. Paulo.

Deputado Alexis Fonteyne

Graduado em Engenharia Mecânica pelo Centro Universitário FEI e pós graduado em Administração de Empresas pela FGV (incompleto). Trabalhou como engenheiro de manutenção, chefe de paradas por 4 anos na Rhodia Solvay Group. Aos 30 anos de idade criou e fundou a Propiso (Serviço de aplicação de Pisos e Revestimentos Industriais), em 1997, e posteriormente a Solepoxy (Fábrica de tintas e vernizes para piso), em 2003. Além de engenheiro e empresário, Alexis Fonteyne agrega muitas atividades a sua vida, foi presidente da ANAPRE (Associação Nacional de Pisos e Revestimentos de Alto Desempenho), foi conselheiro do CIESP (Centro das Indústrias do Estado de São Paulo), e foi conselheiro da Sociedade Hípica de Campinas. Em 2018 foi eleito Deputado Federal pelo estado de São Paulo. Na câmara dos deputados é membro titular da Comissão de Desenvolvimento Econômico, da Comissão de Finanças e Tributação, da Comissão Especial da PEC 45/19 - Reforma Tributária, da Comissão Mista da Reforma Tributária, da CPI do Derramamento de Óleo no Nordeste, da Subcomissão de Combate ao Trabalho Escravo, da Subcomissão sobre Política Industrial, Comercial e de Serviços, da Subcomissão do Esporte, 1º Vice-Presidente da Comissão Especial de Subsídios Tributários e Creditícios, Suplente na Comissão Especial do Superendividamento do Consumidor e da Subcomissão da Reforma Tributária.
 

Voltar